Skip to content

1944: uma nova fase da verticalização de Curitiba

O ano de 1944 anuncia uma alteração do padrão construtivo em Curitiba com o aumento do número de pavimentos e ultrapassando os dez pisos do Braz Hotel, o mais alto edifício existente. Iniciam a próxima fase da verticalização da cidade, os edifícios João Alfredo e Marumby, considerados “símbolos de nossa civilização urbana”, juntamente com uma nova modalidade de financiamento construtivo, o condomínio, que possibilita a aceleração da verticalização na cidade.

O desenho, de autoria de Romeu Paulo da Costa, mostra a perspectiva do Edifício Marumby apresentada em 1944. 

Trecho do livro Morar nas Alturas! Para saber mais sobre a verticalização de Curitiba, visite a página e leia o livro, https://www.memoriaurbana.com.br/as-virtudes-do-bem-morar/.

Compartilhar:
Scroll To Top